Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Palavras são armas

“a luta de classes é a mãe de todas as lutas”

Palavras são armas

“a luta de classes é a mãe de todas as lutas”

Pode o Centenário do PCP chegar a todo o lado? Pode!

Pode o Centenário do PCP chegar a todo o lado? Pode!

O Centenário pode ser «usado», «vestido», «exposto»

VALORES No âmbito das comemorações do Centenário do Partido foram produzidos materiais para venda, permitindo que todos possam levar consigo o significado profundo destes 100 anos de vida e luta do PCP.

medalha.JPG

São muitos os materiais evocativos do Centenário do PCP que se encontram à disposição: blocos, camisolas para homem, mulher e criança, três canecas diferentes e três sacos de pano, ímanes, cadernos para colorir com lápis de cor, esferográficas, lápis, caixas de música com A Internacional, fitas de pulso e pescoço, porta-chaves com saca caricas e o cartaz. Quanto ao emblema – uma edição única, como desde o início se afirmou –, a sua venda está a ser um êxito.

Particular destaque merece a medalha do Centenário, da autoria do escultor e conceituado medalhista João Duarte: serão produzidos 100 exemplares, numa alusão aos 100 anos do PCP, e o custo unitário será de 100 euros. Na memória descritiva da peça, o artista explica que, no seu interior, se observa uma elevação formal em vários planos, em acrílico vermelho, com um movimento representando a intensa actividade do Partido, com determinação e coragem na acção e intervenção na sociedade. No segundo movimento da medalha, no anel exterior de aço inox, está patente a firme posição internacional do PCP no mundo, contribuindo para o reforço do Movimento Comunista Internacional.

A obra e o artista

Se a obra fala por si, a escolha do artista não é menos significativa. João Duarte é um escultor de renome mundial e um dos grandes responsáveis pela medalhística portuguesa ser, hoje, uma das mais reconhecidas do mundo. Nascido em 1952 na cidade de Lisboa, licenciou-se em Escultura na Escola Superior de Belas Artes. Foi professor dos ensinos Secundário e Superior. Integra, desde 1990, a Federação Internacional da Medalha (FIDEM) e em 2009 foi eleito membro efectivo da Academia Nacional de Belas Artes.

É membro da associação Sculptors Guild, Inc., de Nova Iorque, e da Sociedade Nacional de Belas Artes. Ajudou a fundar a Associação de Artistas Plásticos do Concelho de Vila Franca de Xira, o grupo Anverso/Reverso — Medalha Contemporânea e o «Grupumus», constituído por si e pelas pintoras Luísa Nogueira e Carmo Pólvora. Em 2013, viu a sua extensa e valiosa obra reunida no livro João Duarte – 30 Anos de Medalha e Moedas, editado em versão bilingue pela Imprensa Nacional Casa da Moeda.

 

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub